Reunião trimestral entre associações de profissionais de segurança pública e controladora Geral de Segurança Pública

Imagem

Na manhã dessa segunda-feira, as associações representativas de profissionais de segurança pública estiveram reunidos com a Controladora Geral dos Órgãos de Segurança Pública Dra.Socorro França,  na reunião trimestral que ocorre na sede da CGD, para tratar sobre as pautas das categorias de segurança pública, a Associação dos Cabos e Soldados Militares do Ceará foi representada pelo seu Presidente, Sargento Eliziano Queiroz.

A reunião começou com a Dra.Socorro França prestando contas, das demandas da última reunião, ela nos informou que o governador recebeu bem a idéia de uma delegacia para apurar crime contra profissionais de segurança pública,  sobre o pleito da ACSMCE sobre treinamento continuado, ela nos informou que o Coronel Dutra mandou planilha informando dos cursos que estão sendo feitos, alertamos que a maioria dos cursos listados, eram para os novos batalhões de Raio no interior, a formação dos novos oficiais,  do batalhão de divisas e muitos poucos cursos de treinamento continuado, novamente o Presidente da ACSMCE ressaltou a importância do tema, propondo que o Coronel Dutra da academia seja chamado para discutir essa questão dentro da CGD, sendo acatado pela Controladora.

Após a exposição da Dra.Socorro França, relatou os vários projetos que a Controladoria vem desenvolvendo, destacando o número de casos que chegam e quantos são aberto o processo, para se ter uma idéia em 2015, foram 1500 denúncias ou crimes, sendo que desses 1500 somente 135 tiveram processos abertos, sendo 1 militar expulso, mostrando que agora está se respeitando todas as fases do processo.

O Presidente da ACSMCE Sargento Eliziano Queiroz agradeceu a Dra.Socorro França pelo trabalho e apoio e lamentou ser o único canal de dialogo com o governo do estado “Após a reunião que tivemos aqui na Controladoria, tivemos 1 vez com o Secretário, depois ele não recebeu mais, quando tentamos reabrir a mesa de negociação permanente, ele fechou após a primeira reunião, o gestor tem que entender que a crítica é importante para o desenvolvimento do trabalho, e junto da crítica sempre vem sugestões de melhorias, e o gestor tem que saber ouvir a base, se não nunca avançaremos.” Afirmou Sargento Eliziano.

Ao final da reunião tivemos uma notícia, que na fase administrativa, a CGD vai individualizar o processo dos 44 policiais militares que estão presos no 5° batalhão, respeitando a constituição, e fazendo a devida investigação. Além disso tivemos novidades em relação a comunidade terapêutica para os policiais, de modo a tratar os colegas que acabam caindo no caminho das drogas, o plano é que ela seja construída até fevereiro do próximo ano, isso foi uma idéia da Dra.Socorro França que sempre se preocupou com essa questão.

Compartilhar
ACSMCE
ACSMCE
Este artigo foi produzido por um dos redatores especialistas da base da ACSMCE. Fique ligado, quase todos os dias temos conteúdo novo.

POSTS RELACIONADOS

RELACIONADOS
LOCALIZAÇÃO
Av. Imperador, 1600 - Centro - Fortaleza-CE
CEP: 60015-052
CONECTE-SE
Siga nossas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades da ACSMCE.
© 2016 ACSMCE. Todos os direitos reservados