PM tem preventiva revogada

Fortaleza 21 de agosto de 2014. 5 Batalhao de Policia Militar do estado do Ceara, localizado na avenida Antonio Pompeu, 555, no centro.
 - Policia - 22pl0840  -  ERIKA FONSECA

A Justiça concedeu a substituição da prisão preventiva da sargento Maria Bárbara Moreira, acusada de participação na chacina da Grande Messejana, por domiciliar. A militar terá que usar tornozeleira eletrônica e só poderá se ausentar da residência para consultas e emergências médicas da filha de 8 anos. Ela é a primeira dentre os 44 policiais militares presos por envolvimento no caso a conseguir a revogação da prisão preventiva.

O Ministério Público do Ceará (MPCE) deu parecer favorável ao pedido da defesa, que alegou que a militar cumpria os requisitos legais, que além de réu primária e com bons antecedentes, tem uma filha 8 anos, portadora de cardiopatia. “Acresce que ‘desde a prisão suas filhas encontram-se aos cuidados da mãe de criação, , idosa com 88 anos”, diz o texto da decisão.
A decisão foi assinada pelo colegiado de juízes que atua no processo sobre a chacina da Grande Messejana: Eli Gonçalves Júnior, Adriana da Cruz Dantas e Luiz Bessa Neto.

Fonte: O Povo

Compartilhar
ACSMCE
ACSMCE
Este artigo foi produzido por um dos redatores especialistas da base da ACSMCE. Fique ligado, quase todos os dias temos conteúdo novo.

POSTS RELACIONADOS

RELACIONADOS
LOCALIZAÇÃO
Av. Imperador, 1600 - Centro - Fortaleza-CE
CEP: 60015-052
CONECTE-SE
Siga nossas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades da ACSMCE.
© 2016 ACSMCE. Todos os direitos reservados