ACS em Brasília: luta pela expansão do decreto 8.938/2016

decreto site

Quem disse que a ACSMCE luta apenas no Ceará?

Em 2016, o presidente Michel Temer sancionou o decreto 8.938/16, que dispõe sobre a doação de armas apreendidas aos órgãos de Segurança Pública e às Forças Armadas.

Contudo, a Associação dos Cabos e Soldados Militares do Ceará requereu junto aos Ministério da Defesa e Ministério da Justiça a ampliação do rol das armas passíveis de doação, incluindo as pistolas .40, .45 e 9mm, além das constantes nos incisos XXXVII, XLIX, LIII e LXI do artigo 3º do decreto 3.665 de novembro de 2000.

A principal razão para a inclusão destas armas justifica-se por serem os modelos mais utilizados pelas polícias militar e civil dos estados, além de representarem um grande número das apreensões ocorridas em território nacional.

Na tarde desta quarta-feira (15), o subdiretor da entidade, CB PMCE Augusto foi pessoalmente nas sedes de ambos os ministérios, pedindo agilidade no processo. “Hoje o crime dispõe de material bélico mais sofisticado, mais novo, de melhor qualidade em comparação com o que os estados disponibilizam para as polícias. Sabemos que há um trâmite razoavelmente demorado na aquisição de novas armas, então, não é razoável a incineração de armas que podem muito bem ser utilizadas para combater a criminalidade”, frisou CB Augusto.

#ACSPresente

Compartilhar
ACSMCE
ACSMCE
Este artigo foi produzido por um dos redatores especialistas da base da ACSMCE. Fique ligado, quase todos os dias temos conteúdo novo.

POSTS RELACIONADOS

RELACIONADOS
LOCALIZAÇÃO
Av. Imperador, 1600 - Centro - Fortaleza-CE
CEP: 60015-052
CONECTE-SE
Siga nossas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades da ACSMCE.
© 2016 ACSMCE. Todos os direitos reservados